Contribuições

CONTRIBUIÇÃO SINDICAL PATRONAL

Prezado (a) Empresário(a)

 

O Sindicato e a Federação só são fortes e atuante se tiver uma receita mínima, que é a Contribuição Sindical. O pagamento dessa taxa mantém a entidade preparada para representar a categoria, uma vez que é ela que custeia as atividades de representação institucional perante os órgãos públicos e entidades, além de equilibrar as relações de trabalho, sobretudo agora que o negociado prevalece sobre o legislado.

 

Somente com a união e apoio das empresas é que o SESCON MS permanecerá forte para implementar as políticas necessárias à defesa dos direitos e interesses da classe representada.

 

 

TABELA DE CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 2019.

LINHA CLASSE DE CAPITAL SOCIAL (em R$) ALÍQUOTA % PARCELA A ADICIONAR (R$)
01 de 0,01 a 29.268,75 Contr. Mínima 234,15
02 de 29.268,76 a 58.537,50 0,8%  –
03 de 58.537,51 a 585.375,00 0,20% 351,22
04 de 585.375,01  a 58.537.500,00 0,10% 936,60
05 de 58.537.500,01 a 312.200.000,00 0,02% 47.766,60
06 de 312.200.000,01 em diante Contr. Máxima 110.206,60 

Imprima a Guia para recolhimento no www.sesconms.org.br ou 67 3029-6094 

 

ASSISTENCIAL

A Contribuição Assistencial é uma taxa prevista em lei, destinada a custear despesas inerentes às negociações coletivas. A contribuição é extensiva a toda a categoria representada e tem sua fundamentação prevista no art. 513, alínea “e” da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O recolhimento é no mês julho e no dezembro e valor é fixado por Assembléia Geral. Conforme disposição estatutária, todas as empresas de representação desta entidade poderão participar e votar na assembleia, desde que estejam quites com suas contribuições.

Prazo:

A Reversão Patronal deve ser recolhida até 15/7 e 15/12, semestralmente.

Emite sua guia 67 3029-6094

 

ASSOCIATIVA

A Contribuição Associativa é a prestação pecuniária, voluntária, paga pelo associado ao sindicato, em virtude de sua filiação.

A taxa é prevista no art. 548, alínea b, da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), e fundamenta no estatuto ou ata de Assembleia Geral de cada entidade sindical.

Apesar de não ser compulsória, a adesão reflete a consciência da classe representada, fundamental para o fortalecimento a entidade sindical.

Quando fazer:

A partir do momento em que se opta pela filiação ao sindicato, a contribuição passa a ser feita, conforme datas e valores estabelecidos em assembleia geral. O recolhimento deve ser feito até o dia 10 de cada mês ou anualmente quando for o pagamento for à vista.

Benefícios:

Por meio das parcerias e convênios firmados pelo SESCON MS, os associados recebem descontos especiais em programas de qualificação, além de valores diferenciados na realização de cursos e nas mensalidades de algumas faculdades credenciadas, e também em outros benefícios.

Peça ficha e se associe.